Três são presos por revenda e transporte ilegal de botijões de gás na zona leste de SP

Botijões de gás em revenda na zona norte de São Paulo - Rubens Cavallari/Folhapress

Botijões de gás em revenda na zona norte de São Paulo – Rubens Cavallari/Folhapress

Dois homens e uma mulher foram presos pela Polícia Civil por revenda ilegal de botijões de gás, nesta sexta-feira (3), na Vila Curuçá (zona leste). Durante a ação, 40 botijões foram apreendidos.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública, equipes do Dope (Departamento de Operações Policiais Estratégicas) abordaram três veículos carregados com botijões de gás na avenida dos Guachos. Dentro dos carros havia 40 botijões.

Questionados, os motoristas dos veículos alegaram que compraram as mercadorias com uma revendedora localizada na região, segundo a polícia.

Todos foram detidos e levados ao DPPC (Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania).

Na delegacia, apenas um foi liberado por possuir empresa regularizada e a certificação necessária para a movimentação de produtos perigosos. Os outros dois condutores foram presos em flagrante por não possuírem estabelecimento regularizado para a revenda de botijões.

Eles foram autuados por adquirir derivados de petróleo e por transportar ilegalmente substância tóxica, perigosa ou nociva à saúde ou ao meio ambiente.

A dona do estabelecimento onde os produtos foram adquiridos também foi presa. Ela foi autuada em flagrante por revender derivados de petróleo ilegalmente.