Homem é espancado perto de festa de universitários

MODELO EXTERNOUm homem de 29 anos morreu após ser espancado por quatro rapazes na madrugada de ontem, no largo São Francisco (região central).

Fernando Celestino de Jesus foi agredido com chutes e socos em frente à Faculdade de Direito da USP, onde acontecia uma festa universitária organizada pelos centros acadêmicos 11 de Agosto (da Faculdade de Direito) e Visconde de Cairu, da FEA (Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade).

O DHPP (Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa) abriu investigação para poder identificar os autores do crime.

A sessão de espancamento, registrada por câmeras de segurança, durou cerca de um minuto.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, a Polícia Militar encontrou o jovem inconsciente na calçada com um ferimento na cabeça. Assim que o Samu chegou ao local, foi constatada a morte de Fernando.

De acordo com o boletim de ocorrência registrado no 8º Distrito Policial (Brás), foram apreendidos com ele três vidros com substâncias líquidas, uma quantia em dinheiro e quatro sacolas plásticas com conteúdo se­melhante a maconha. Ne­nhuma testemunha foi localizada pela PM para ajudar com pistas que levem aos agressores do jovem.

Em nota, os centros acadêmicos afirmam que nenhum dos envolvidos integrava o evento e, que segundo relatos de pessoas que presenciaram o ocorrido, o jovem foi morto após um assalto a outros rapazes na região.

“Assim que houve notícia do ocorrido, membros da organização acudiram ao socorro da vítima, disponibili­zando a assistência dos médicos das ambulâncias da festa, conforme também registrado pelas imagens das câmeras de segurança”, diz o comunicado.

Segundo um estudante, que não quis se identificar, os seguranças da festa não agiram porque não tinham autorização.