São Caetano promove campanha Novembro Azul

MUTIRAO 2São Caetano amanheceu azul para 426 homens com mais de 30 anos. O motivo? O Hospital São Caetano recebeu ontem a campanha Novembro Azul, promovida pela Prefeitura com o objetivo de conscientizar os homens sobre os perigos do câncer de próstata – glândula do sistema reprodutor masculino.

“Quando detectado no início, o paciente tem 100% de chances de cura da doença”, destacou o prefeito de São Caetano, Paulo Pinheiro (PMDB).

Cerca de 40 profissionais realizaram o atendimento espontâneo e pré-agendamento em 21 especialidades diferentes, tanto para homens quanto para mulheres. No total, foram realizados 2.500 consultas em seis horas de evento. “A população aderiu à proposta da campanha. Estamos satisfeitos com o desempenho deste mutirão”, comemorou o coordenador médico da Secretaria de Saúde, Roberto Rodrigues Júnior.

O evento fez parte da sétima edição mensal do Programa Fila Zero. Cerca de 18 mil munícipes já participaram da ação.

O representante comercial Roberto Mano, 48 anos, nunca havia feito o exame de toque retal. “Estou super tranquilo. Tudo isso faz parte da Medicina.” Após ser chamado pelo médico e permanecer por 15 minutos no consultório, Roberto contou como foi a experiência. “Ocorreu de forma tranquila. A vida é muito mais importante do que qualquer preconceito, piadas ou vergonha de fazer o exame.”

Já Valmir Santana, 35, casado e pai de dois filhos, resolveu antecipar o exame preventivo geralmente destinado a homens acima dos 45 anos. A pressa se deve ao fato de a doença estar presente no histórico familiar. “Há alguns anos meu pai foi diagnosticado após realizar este mesmo exame. Graças ao diagnóstico precoce, ele se recuperou e hoje está bem melhor.”

Valmir ainda fez questão de destacar a efetividade do mutirão. “Muita gente costuma ter pouco tempo durante a semana. Uma ação como esta, durante o fim de semana, colabora e muito para se cuidar da saúde”, afirmou.